Em meados dos anos 90 o Mercado Livre de Energia surgiu no Brasil para dinamizar o setor elétrico. A partir daí, o consumo de energia elétrica cresceu de forma significativa. 

Neste artigo será abordado como o ambiente de contratação livre (ACL), impulsiona um melhor consumo de energia em nosso país. Confira!

O que é o Mercado Livre de Energia

 

O MLE (Mercado Livre de Energia Elétrica) é um sistema onde os consumidores podem escolher o fornecedor de energia elétrica para sua  empresa. Essa liberdade gera uma intensa concorrência entre as companhias do setor, beneficiando o consumidor final.

Ademais, segundo dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), órgão responsável pela coordenação e controle da operação das instalações de geração e transmissão de energia elétrica no Sistema Interligado Nacional (SIN), o consumo de energia elétrica cresceu bastante, totalizando em 612,4 TWh e é notório o quanto esse crescimento pode gerar um estorvo para o setor elétrico brasileiro. 

 

Por que o Mercado Livre de Energia gera uma grande economia para a sua empresa?

O MLE promove a concorrência entre Comercializadoras e Geradoras, isso provoca uma liberdade de escolha na negociação dos preços com as Comercializadoras/Geradoras e assim resulta em preços menores, já que essas companhias têm buscado oferecer planos mais vantajosos para os consumidores ao longo das negociações. 

Além disso, como visto nos últimos anos, muitas  empresas têm buscado investir em fontes renováveis de energia para não estarem sempre sujeitas a aumentos ou crises, e o mercado livre é justamente uma estratégia democrática que possibilita o acesso mais justo a todas as alternativas  disponíveis.

Outras vantagens em relação a essa estratégia, é que o tempo e os valores já são estabelecidos nas negociações, os quais  se caracterizam como agentes balizadores, e assim  diminui os riscos de alguma oscilação no preço da energia.

 

Quais os benefícios do mercado livre de energia para os consumidores?

 

  • Preços mais baixos: 

Com a concorrência entre as empresas, os preços da energia elétrica tendem a ficar cada vez mais baixos no mercado livre de energia. Isso diz o quanto os consumidores podem economizar dinheiro ao escolherem as melhores condições. 

  • Maior poder de escolha: 

No mercado regulamentado, os consumidores não têm muitas opções sobre quem iriam escolher para fornecer sua energia elétrica. Com o mercado livre, eles podem comparar as ofertas e escolher aquela que melhor atende às suas necessidades. 

  • Energia elétrica mais limpa e barata: 

Como as empresas precisam investir em tecnologias mais limpas e eficientes para se manterem competitivas no mercado, isso tem as beneficiado diretamente de forma econômica e sustentável ao optarem por essa opção, afinal há a possibilidade de poder comprar de fontes incentivadas.

 

Os desafios do mercado livre de energia no Brasil

A falta de conhecimento pode ser considerada um dos grandes desafios para o crescimento do mercado livre de energia no Brasil. Isso afeta empresários, que muitas vezes não tem capacidade para investimento em Energia Solar mas desejam investir em estratégias relacionadas a energia elétrica e por desconhecerem o Ambiente de Contratação Livre (ACL) possuem dúvidas e é por isso que a procura de empresas especializadas em intermediar esse serviço é tão importante, afinal é tarefa do gestor auxiliar neste processo de forma clara e fluida. 

 

Escolha um parceiro com expertise no Mercado Livre de Energia!

A LEDAX atua  no mercado B2B e oferece  para as empresas serviços de migração e gerenciamento de contratos para o Mercado Livre de Energia.

Conte conosco se a sua empresa precisa de energia com excelente custo-benefício.

O que achou deste conteúdo? Deixe sua opinião nos comentários, compartilhe em suas redes sociais e acompanhe nosso blog para mais novidades.

Até a próxima!